Toque de sua mão

dormir

Vou dormir,
antes que teu silêncio
engula minha alma,
antes que o espelho me revele,
e ao descobrir o que sou,
eu me desespere!

Vou dormir,
antes que a madrugada engula a noite,
e eu me lembre que nem sempre foi assim.
Ah, aquelas madrugadas
de você sobre mim!(…)

Vou dormir,
antes que eu escreva mais alguma poesia
e me descortine, e me entregue,
e te ameace com meu amor,
antes que eu tenha certeza, de que
no final tudo acaba sempre em dor.

Vou dormir,
para esquecer o sentimento,
para fingir que tudo está bem,
para repousar os meus olhos,
e esperar o que não vem.

Vou dormir,
antes que eu me torne repetitiva,
e boba, e descomedida,
e aberta, e entregue,
e deixada, e esquecida…

Vou dormir,
como se dormir fosse o melhor remédio,
mas sabendo que não.
O melhor agora seria sentir de novo
o toque de sua mão.

Lilly Araújo

Anúncios

About lillyaraujo13

Bióloga. Poeta. Amante de Deus, das crianças, das pessoas de boa fé e dos animais.

Posted on 22 de Novembro de 2014, in Poemas de Lilly and tagged , , . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Obrigada por comentar!!!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: